Siga nossas redes:

Resenha – Winter

Publicado em 6 de janeiro de 2017
- Sem classificação
Livro: Winter
Autora: Marissa Meyer
Lançamento: 2016
Editora: Editora Rocco
Páginas: 688
Classificação do Skoob: 4,6
Onde comprar: Amazon
*Livro do acervo pessoal
As Crônicas Lunares
conseguiu algo que muitas séries tentam, mas que raramente conseguem: ela
iniciou bem, continuou muito bem, e terminou fantasticamente. Marissa Meyer, autora da quadrilogia soube,
assim como um maestro, conduzir sua peça perfeitamente.

Winter foi
a conclusão de uma série sci-fi fantástica, uma despedida que fechou com chave
de ouro e que vai deixar muitas saudades. E por se tratar da resenha do último livro da série, ela PODE CONTER SPOILERS dos livros anteriores.

O
livro tem início de onde Cress terminou,
tudo está uma confusão para nosso grupo de desajustados. Scarlet sequestrada pela
rainha/bruxa Levana, Kai por um tempo deixa de governar a Terra por estar nas
mãos de seus ditos “inimigos”, enquanto Cinder se prepara para finalmente dá início
a aguardada rebelião e tomar de volta seu trono por direito. 

“Ela
sentia como se estivesse jogando um daqueles jogos de estratégia de Cress.
Todos os peões dela se encontravam em posição, e o ataque final estava prestes
a começar.”

O
fato do livro ter vários pontos de vista permite que a história tenha um ritmo
alucinante, de prender o fôlego deixando a adrenalina alcançar as alturas.
Fui
capturada mais de uma vez pela descrição das cenas da autora, cenas de lutas, cenários
de palácios e terras, do espaço e dos personagens. O tipo de descrição
enriquecedora, aonde cada detalhe mostrado tem relevância com a história e que ajudou
a minha imaginação dar vida à narrativa.
Em
Winter, teremos também a perspectiva
de dois personagens que até então aparecerem apenas de passagem em Cress. Que são, Winter, a princesa amada
por todo o povo de Luna, mas que não bate muito bem da cabeça, e Jacin, seu guarda-costas /melhor amigo/ amor da sua vida.


“Jacin
deu um passo para trás e apertou a ponte do nariz. Ele falou um palavrão.

Princesa, você tem que parar de colecionar esses rebeldes.”

Winter
e Jacin se juntarão ao grupo de Cinder, e farão de tudo para livrar Luna da
rainha tirânica. Cinder,
Scarlet, Cress, Winter, Kai, o Lobo, Thorne e Jacin, todos têm um papel
importante para a finalização da trama, sem sombra de dúvidas o final não seria
o mesmo se eles não houvessem trabalhado juntos. Isso é uma das coisas mais
legais da história da Marissa Meyer,
essa formação que ela vem construindo desde Cinder, e que vai evoluindo até se
tornar algo inquebrável. Fora todo o plot genial criado, explorando além da
amizade e romance, tramoias, conspirações políticas, o mundo fantástico que ela
cria no geral. É de deixar qualquer fã de fantasia com orgulho.

Como
não posso me aprofundar demais na história sem soltar spoiler, queria apenas
dar um destaque especial ao meu casal favorito, já que não tem como escolher só um personagem
favorito, já que me apeguei a todos igualmente. Eles são demais!
Meu
casal favorito de toda a série é a Cress e o Thorne. Não existe casal mais fofo
que esses dois para mim. Quem diria que um ladrão nato narcisista e uma reclusa
nerd formariam um casal tão perfeito? Outra magia que Meyer faz, junta os pedaços mais improváveis e os transformam em
algo único.

“Thorne
não se afastou. Ele só passou o braço pelas costas dela, e ali estava a proteção
delicada da qual ela se lembrava. A respiração dele estava tão errática quanto
a dela. – Cress. – Ele disse o nome dela como
uma promessa.”

A
resenha poderia se estender infinitamente, mas não quero torná-la chata, minha
intenção na verdade é atiçar a curiosidade de vocês, é fazê-los fechar essa janela
e ir correndo ler a série, ou para quem já leu, ir correndo comprar a
continuação, se ainda não comprou.
As Crônicas Lunares
começou despretensiosamente, como uma recontagem de contos de fadas, mas se
tornou muito mais e hoje é uma das minhas séries favoritas de fantasia.

 

“O
reinado de Levana está chegando ao fim. Eu voltei para recuperar o que é meu.”

Você também poderá gostar de

18 Comentários

  • Naime Martins

    Eu acho essa capa maravilhosa!!! Quero ler essa série, muita gente fala super bem! Vai entrar pra lista, com certeza!

    6 de janeiro de 2017 às 12:22 Responder
  • Lana Silva

    Após ler muitos elogios em relação a essa serie, e claro que não perdi tempo e incluir na minha lista de desejados, mas ainda não tive oportunidade de adquiri-las. A história me parece ser realmente muito bem construída, com personagens bons, que nos incentiva a continuar a leitura. Tenha certeza que vou adorar por essa leitura fantástica.

    6 de janeiro de 2017 às 15:36 Responder
  • Mariana M...

    Eu tenho muita vontade de acompanhar essa série, só vejo elogios e indicações dela, apesar dos precinhos salgados de cada livro, ela já está na minha lista de desejados.

    6 de janeiro de 2017 às 20:54 Responder
  • Gêmea Má

    Oi!!

    Só falta esse livro pra ler, mas eu meio que perdi o tesão pela série e eu nem sei porque, uma vez que eu adorei os outros tres livros.
    Saber que o último livro continua bom e q ela fecha com chave de ouro me estimula um pouco a ler, mas mesmo assim me dá preguicinha ou sei lá

    bjs

    Lá…E de volta outra vez

    7 de janeiro de 2017 às 02:23 Responder
  • Alison de Jesus

    Olá, estou com o primeiro volume aqui e vejo que não vou me arrepender por ter comprado, além de ter capas MARAVILHOSAS a série As Crônicas Lunares é inovadora e como citado na resenha tem um desfecho fascinante. Beijos.

    7 de janeiro de 2017 às 20:50 Responder
  • Gabi Theis

    uma vez quis ler esse livro e uma amiga que tinha lido disse que não gostou e eu não tive mais vontade :/ mas vou tentar ler o primeiro então, não custa nada rsrs e essa capa é muito lindaaa

    9 de janeiro de 2017 às 01:36 Responder
  • Kris Soares

    Ainda não li, mas pela sua empolgação ao falar dessa série, mesmo não gostando muito desse gênero de leitura(salvo algumas exceções), deu vontade de ler,parece uma aventura e tanto.

    9 de janeiro de 2017 às 12:23 Responder
  • Palavras e Notas

    Krisna, antes de tudo gostaria de falar que parei de ler em "pode conter spoiler", por ter interesse em conhecer a série, espero que você entenda o motivo da não leitura completa do post, mas deixo aqui a minha marca: os comentários sobre todo o processo de início, desenvolver e desfecho do livro me motivaram ainda mais a leeer ❤

    Abs,

    – J.

    9 de janeiro de 2017 às 16:39 Responder
    • Gabriella Santos

      Oi,essa quem escreveu não foi a Kris, kkk. Normal se confundir! Mas então, entendo o que você quis dizer a respeito dos spoleirs, se ainda não leu nenhum dos anteriores melhor mesmo não ler a resenha desse. 🙂

      16 de janeiro de 2017 às 19:27 Responder
  • Adriana Holanda Tavares

    Acho todas as capas lindíssimas, mas não tenho a mínima vontade de ler, sou super avessa às releituras de contos de fadas, até hoje já li um monte mas não gostei especificamente de nenhuma, mas como você falou com tanta empolgação pode ser que essa me faça repensar minha aversão1

    14 de janeiro de 2017 às 22:48 Responder
  • Rossana Batista

    Ahh que série maravilhosa deve ser mesmo!
    Eu fiquei bem curiosa mesmo pra assistir porque adoro livros que nos envolvam e que são ricos de detalhes pra que a gente possa aproveitar ao máximo e não deixar nada passar.
    tô curiosa pra ler!

    15 de janeiro de 2017 às 17:52 Responder
  • Pamela Liu

    Oi Gabi.
    Não li a resenha na integra, pois quero ler essa série. Adoro releituras de contos de fadas e saber que essa série é muito mais que isso me deixa bastante empolgada.
    Não é sempre que uma série começa bem e termina bem. Então isso é bem animador.
    Além disso, as capas dos livros dessa série são lindíssima. Eu as compraria só para ter na estante rs

    16 de janeiro de 2017 às 03:02 Responder
    • Gabriella Santos

      Oi Pamela!
      Concordo 100% com você, essas capas são lindas mesmo. E as lombadas ficam fabulosas na estante, rsrs.
      Realmente são raras as séries que começam e terminam bem, mas As Crônicas Lunares é uma dessas raridades. Vai em frente que você não vai se arrepender da leitura.

      16 de janeiro de 2017 às 19:31 Responder
  • Roberta Moraes

    Apesar de não ter lido nenhum livro da série eu optei por ler a resenha mesmo podendo conter spoiler porque ler spoiler me deixa é mais animada e curiosa para ler o livro.
    Já fiquei animada por ser uma série cheia de adrenalina e ainda com descrições bem detalhadas. Adoro isso e no momento estou precisando de leituras assim!

    17 de janeiro de 2017 às 03:05 Responder
  • suzana cariri

    Oi!
    Minha leitura atual e o primeiro livro dessa serie, depois de ler tantos comentários positivos sobre ela, finalmente peguei o primeiro livro para ler e estou gostando muito dessa serie, adorei saber que a autora consegue manter o padrão da leitura ao longa da serie e até elevar ele, nos trazendo historias fantásticas e surpreendentes !!

    28 de janeiro de 2017 às 01:47 Responder
  • Helen A.Z

    Tenho vontade de ler As Crônicas Lunares há algum tempo,mas ainda não tive oportunidade,então vou fugir dos spoilers XD
    É muito bom ver que o desfecho foi fantástico,ahh preciso ler!Adoro boas releituras dos contos de fadas!

    29 de janeiro de 2017 às 17:38 Responder
  • Cristiane de Souza

    Oi Gabi…
    Ainda não tive a oportunidade de ler essa série… Mas por se tratar de uma recontagem dos contos de fadas de uma forma diferente já fico muito curiosa para lê-la… E se seu objetivo com essa resenha foi atiçar minha curiosidade, parabéns, você conseguiu… Rsrs… Espero poder ler essa série e breve!!!
    Beijinhos…

    30 de janeiro de 2017 às 03:36 Responder
  • Mayla Lima

    Ainda não li a série, mas tenho interesse por ser uma releitura dos contos de fadas. Deu para ver que o trabalho foi bom, um último livro com um ótimo fechamento, não conheço tanto do enredo, mas deu para ver que a série é boa, conta uma história que convence, além de fugir daquele enredo todo perfeitinho mas que mesmo assim conquista o leitor. Gostei da resenha e espero poder conferir a saga em breve, sua resenha com certeza me deixou muito curiosa.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    30 de janeiro de 2017 às 17:10 Responder
  • Deixe uma resposta