Siga nossas redes:

Resenha – Volúpia de Veludo

Publicado em 27 de setembro de 2017
- Arqueiro, E-book, Resenhas, Romance de Época

LIVRO ESPECIALMENTE INDICADO PARA quem já acompanha a série As Modistas,  para fãs de romance de época, leitores que gostam da escrita da Loretta Chase e curtem referências relacionadas ao mundo da moda. Ideal para quem busca uma leitura leve e despretensiosa.

As modistas atacam novamente. Para quem já acompanha a série ou leu a resenha de Sedução da Seda e Escândalo de Cetim, deve estar preparada para ver mais uma irmã Noirot se meter em muita confusão… Dentro (e às vezes fora) dos vestidos mais lindos, claro. Este é o terceiro livro da série, e inicia logo após o término do anterior; portanto algumas informações desta resenha podem ser spoiler para quem ainda não leu os outros livros.

Leonie Noirot é a irmã ruiva, a mais nova das três e a que tem uma mente altamente numérica. Com uma obsessão por organização e um raciocínio tão rápido que a transforma praticamente em um gênio da matemática, essa modista é a responsável por cuidar de toda a parte financeira do ateliê. Além disso, ela utiliza cálculos numéricos para criar os vestidos e espartilhos mais bem ajustados de toda a história da costura londrina – e talvez até francesa. Não à toa a Maison Noirot se tornou referência em elegância e qualidade.

– Se tivéssemos todo o tempo do mundo, minha cara, eu poderia ficar conversando parado aqui por vários dias. Cem anos eu dedicaria ao prazer inocente de contemplar uma mente brilhante e uma inteligência prodigiosa, embaladas em um belo pacote.

Justamente por isso Leonie decide dar uma ajudinha para Lady Gladys, aquela moça fora dos padrões, que fala alto e que tem um comportamento digno de um general militar – ter sido criada por um tem sua parcela de influência, claro. Mas não basta ajudar Lady Gladys a vestir-se de maneira mais estratégica ou utilizar de suas qualidades mais interessantes para mostrar o quanto é incrível, Leonie se compromete a transformar uma Lady esquisita em um dos melhores partidos de Londres.

O que a modista não esperava era que no meio dessa missão ela se veria envolvida em um escândalo que coloca em risco a Sociedade das Costureiras para Mulheres Desafortunadas. Um plano para difamar Lorde Swanton, o poeta protegido por Lorde Lisburne, promete manchar a honra da fundação de proteção às mulheres, criada pelas modistas. É claro que Leonie não pode permitir que isso aconteça, e na ausência das suas irmãs – Marcelline lidando com questões de saúde, e Sophy aproveitando a vida de recém casada – ela acaba tomando Lisburne como aliado, e juntos eles pretendem descobrir quem armou o escândalo e como sair dessa confusão sem maiores prejuízos.

O romance entre os protagonistas acontece de maneira mais lenta do que nos livros anteriores, pelo menos tive essa impressão. Talvez pelo fato de Lisburne respeitar o tempo de Leonie, e manter uma estratégia de conquista mais sutil (às vezes nem tanto). Gostei dos diálogos irônicos e divertidos, característica da escrita da autora, e foi interessante ver personagens que apareceram nos livros anteriores terem mais destaque agora.

O amor não pode ser medido ou pesado. Não é um pedaço de seda e outro de algum outro tecido, tal quantidade de laços e esse e aquele padrão de bordado.

Embora tenha gostado do livro, confesso que ele não é meu preferido. Talvez porque o li logo após finalizar Escândalo de Cetim, que tem uma narrativa mais fluida e divertida, então as comparações foram inevitáveis. Mesmo assim é uma boa pedida para quem curte o gênero, e também para quem é fã de histórias que são clichês, mas que divertem e entretém mesmo assim.

 


Livro: Volúpia de Veludo (As Modistas 3)
Autora: Loretta Chase
Lançamento: 2017
Editora: Arqueiro
Páginas: 320
Sinopse: Simon Fairfax, o fatalmente charmoso marquês de Lisburne, acaba de retornar relutantemente a Londres para cumprir uma obrigação familiar. Ainda assim, ele arranja tempo para seduzir Leonie Noirot, sócia da Maison Noirot. Só que, para a modista, o refinado ateliê vem sempre em primeiro lugar, e ela está mais preocupada com a missão de transformar a deselegante prima do marquês em um lindo cisne do que com assuntos românticos. Simon, porém, está tão obcecado em conquistá-la que não é capaz de apreciar a inteligência da moça, que tem um talento incrível para inventar curvas – e lucros. Ela resolve então ensinar-lhe uma lição propondo uma aposta que vai mudar a atitude dele de uma vez por todas. Ou será que a maior mudança da temporada acabará acontecendo dentro de Leonie? Volúpia de veludo, terceiro livro da série As Modistas, é uma história de amor envolvente, com personagens femininas fortes e determinadas que transitam com perfeição entre o romantismo e a sensualidade.

Você também poderá gostar de

5 Comentários

  • Hérica Lima

    Sou apaixonada por romance de época e essa autora é uma das quais quero muito conhecer!
    Essa série está sendo bem falada então estou super ansiosa para ler!
    Já vi várias resenhas e todas falam que esse não é o melhor livro, mas que mesmo assim foi fofo e divertido!
    Não vejo a hora! Beijoss.

    27 de setembro de 2017 às 19:18 Responder
  • Ludyanne Carvalho

    Preciso começar a ler romance de época com urgência!
    Estou acompanhando esta série através de resenhas, e pelas resenhas a que mais gostei foi a história da Sophie.
    Mas um escândalo naquela época deve ser algo interessante de se ler, e fiquei curiosa pra saber qual o motivo.
    E acho tão bacana estas séries que envolvem família; sempre podemos rever personagens tão queridos.
    Amei a resenha, e assim que eu começar a ler romance de época, vou incluir esta série na minha lista.

    Beijos

    27 de setembro de 2017 às 22:00 Responder
  • Lili Aragão

    Oi Krisna, me encaixo em todas as indicações para esse livro haha e assim já o li e curti muito a leitura. Loretta sempre me cativa com personagens femininas que se destacam e assim, curti a inteligência e a determinação de Leonie e curti Gladys, a personagem me surpreendeu positivamente. Contudo o romance em si não deslanchou tanto comigo, achei que faltou alguma coisa entre os dois pra me cativar e pode ter sido o desenvolvimento mais lento que você citou, mas ainda é uma série maravilhosa e acho que vale muito a pena a leitura 😉

    28 de setembro de 2017 às 08:54 Responder
  • Marta Izabel

    Oi, Krisna!!
    Gosto muito das resenhas que tenho lido da série As modistas, acho super legal as protagonistas terem um negócio próprio e elas mesmas tomarem conta dele. Sem dúvida vou adorar ler esses livros e conhecer um pouco da escrita dessa autora! E também adoro as capas desses livros a Arqueiro sabe como encantar nós leitoras.
    Bjoss

    29 de setembro de 2017 às 14:58 Responder
  • Pamela Mendes

    Eu estou com bastante vontade de ler essa série, as já ouvi mais algumas pessoas falando que também não gostaram muito desse livro. Eu acho o enredo dele bem interessante também, mas é uma pena que as coisas acontecem de maneira mais lenta nesse livro. Mas mesmo assim pretendo começar essa série logo =)
    Bjss ^^

    30 de setembro de 2017 às 17:44 Responder
  • Deixe uma resposta