Siga nossas redes:

Resenha – A Thousand Boy Kisses

Publicado em 21 de setembro de 2016
- Sem classificação
Livro: A
Thousand Boys Kisses  | Autora: Tillie
Cole | Editora: Kindle
Edition | Paginas: 353
Lançamento: 2016 | Avaliação Goodreads: 4,38 | Onde Comprar: Amazon 
*Ebook do acervo pessoal – Versão
em inglês
*Fotos cedidas em parceria com Karolyne Oliveira – @chaticeliteraria

Sempre é difícil escrever sobre um livro que te marcou, e que ainda está bem
fresco na sua memória, ainda nem sei bem por onde começar…

Foi desta maneira que me senti ao terminar A Thousand Boy Kisses, meio perdida,
meio órfã, meio feliz, meio sem saber como terminar o livro. Um sentimento mais
contraditório que o outro.
E acredito que essa seja a melhor qualidade de uma boa
escritora, o fato dela conseguir despertar tantas emoções no seu leitor, que
quando acabamos a leitura nos sentimos desnorteados e com a sensação…
“Whf! Um dos melhores livros da minha vida”. Essa é a melhor frase para me
descrever ao terminar este livro.
Por ser da Tillie Cole deveria estar mais ou menos preparada
para ter meu coração disparado em varias partes do livro, mas com esse aqui…
A autora tirou meu coração do peito e ficou brincando com ele, como uma bola de
estresse, apertando e aliviando. Ou só apertando mesmo.

 A Tillie Cole, depois da Colleen Hoover,  se transformou na minha autora de romances
favorita. Assim com a Colleen, a Tillie sabe escrever livros transformadores,
com os personagens mais reais e incríveis, que ficam na nossa cabeça e no nosso
coração para sempre. Então, vamos à resenha. 
Vou começar assim : 

                           “For Infinity, Rune and
Poppy, forever and Always”

Essa é a melhor maneira de descrever os dois personagens, ele são metades
de um só coração, almas gêmeas, não existe Poppy sem Rune ou Rune sem Poppy,
eles foram destinados a ficar juntos para sempre. Mas a vida e os planos de
Deus, nem sempre são como queremos. 


Rune e Poppy se conhecem desde os cinco anos, e o Rune logo se encantou pelo
jeito livre e puro da Poppy. Quando Poppy tinha 8 anos, sua avó, antes de morrer, passou para ela uma
missão: coletar mil beijos de garotos, e em cada coração que havia dentro do
pote, ela descreveria o beijo…

 E claro que o Rune nunca iria deixar outro garoto
beijar sua Poppymin. A partir daí, até seus 15 anos, os lábios do Rune
sempre foram da Poppy, e os de Poppy sempre foram do Rune. Até que a vida
acontece… E Poppy e Rune são separados por 2 angustiantes anos. 

E quando eles se reencontram nada mais é o mesmo, além do fato que eles ainda
são e sempre serão alma gêmeas. Não posso falar mais nada sem soltar spoilers,
mas existe muito mais coisas do que essas que falei, estou apenas tocando na
superfície de um livro incrível!

Se preparem para chorar e para ter seu coração destroçado, se preparem para rir
e pirar, apenas se preparem para um dos melhores livros da sua vida. Eu amei
cada palavra e pedacinho desse livro, o tipo de leitura que vai ficar na minha
vida para sempre.
Li  o livro em inglês no formato ebook, e apesar de não
ter o contato que gostaria de ter tido como tenho com livros físicos, amei tudo
do mesmo jeito rsrs. Amei a capa, linda demais, arrebatadora na sua simplicidade,
e se adequa perfeitamente à historia do livro. Amei o fato de que capítulos são
no mesmo formato que os corações de papel que a Poppy faz, só deixou o livro
ainda mais lindo para mim.
Corram a agora para ler. Nem preciso falar que é must read,
né? 

Mais Quotes:

“I held her. I held her so tightly I thought she would ask me to let go. But she didn’t, and I wouldn’t. I didn’t dare let go, in case when I lifted my head she wasn’t here. I needed her to be here. I needed her to stay.”

“Then she promised, “My kisses are all yours. No one else will ever have these lips but you.”I brushed my lips against her more time and echoed her words. “My kisses are all yours. No one will ever have these lips but you.””

Minha vontade é encher essa resenha de quotes, mas vou parar por aqui, para vocês se encantarem por essas passagens, como eu me encantei.

Sinopse: Um beijo dura um instante.Mas, mil beijos podem durar uma vida. Um garoto. Uma garota. Uma ligação que é forjada em um instante e acarinhada por uma década. Uma ligação que nem o tempo, nem a distância podem quebrar. Um vínculo que irá durar para sempre. Ou, assim eles acreditam. Quando Rune Kristiansen de 17 anos retorna da Noruega para pacata cidade de Blossom Grove, Geórgia, onde fez amizade com Poppy Litchfield quando criança, ele tem apenas uma coisa em sua mente. Por que a menina que era a metade de sua alma, que prometeu esperar fielmente por seu retorno, cortou-o de sua vida sem uma palavra de explicação? O coração de Rune foi quebrado há dois anos quando Poppy ficou em silêncio. Quando ele descobrir a verdade, entenderá que a maior dor ainda está por vir.

Você também poderá gostar de

26 Comentários

  • Flora Literária

    Oi, Gabi!
    Que amor de resenha, que amor de livro! Estou completamente apaixonada pela sua descrição, imagine só como ficarei ao ler o livro, haha! Parece ser uma bela história, com altos e baixos. Com certeza vou adicioná-lo na minha lista, obrigada pela dica!

    Sucesso com o blog sempre
    Beijos, Belle
    floraliteraria.blogspot.com

    21 de setembro de 2016 às 13:21 Responder
    • Gabriella Santos

      Olá!
      Que bom que você gostou. <3
      Realmente, a historia é apaixonante, e a forma como a Tille escreve é maravilhosa.
      Não deixe de ler!
      :**

      21 de setembro de 2016 às 13:58 Responder
  • Karolyne Oliveira

    Livro lindo! Realmente a moça brinca com nosso coração. Quebra em pedacinhos cola, quebra outra vez… E mais outra…

    21 de setembro de 2016 às 13:44 Responder
  • Karolyne Oliveira

    Livro lindo! Realmente a moça brinca com nosso coração. Quebra em pedacinhos cola, quebra outra vez… E mais outra…

    21 de setembro de 2016 às 13:44 Responder
    • Gabriella Santos

      Oi Karolyne!
      Ela brinca mesmo né?!
      Você já leu quais outros livros da Tillie?

      21 de setembro de 2016 às 14:00 Responder
  • Kah

    Lindo demais! O livro que mais me fez chorar na vida! Amei a resenha sz

    21 de setembro de 2016 às 13:51 Responder
    • Gabriella Santos

      Oi Kah. 🙂
      Você acredita, que apesar de tudo, eu não chorei?! :O

      21 de setembro de 2016 às 14:01 Responder
  • Daniele Vieira

    Olá
    É muito especial quando nos deparamos com obras que arrebatam nossos corações, não sou muito de livros de amor, e esse não me chamou muito a atenção, mas amei sua resenha e todo o carinho que você conseguiu passar

    21 de setembro de 2016 às 15:06 Responder
    • Gabriella Santos

      Ah Dani, obrigada!
      Que bom que você gostou, o livro é maravilhoso por isso foi fácil falar sobre ele.
      bjs ;*

      23 de setembro de 2016 às 12:30 Responder
  • Unknown

    Livro lindo, com certeza um dos melhores que li em toda minha vida. Tua descrição do que ela faz com o coração da gente durante a leitura é perfeita, não consegui parar de ler até terminar ele.
    E o final? final incrível, espetacular, perfeito!!!!

    21 de setembro de 2016 às 15:48 Responder
  • Livros Encantos

    Ola Gabi estou doida para ler esse livro menina, meu inglês não é la grande coisa, tentarei ler amei a premissa e li muitos elogios a esse livro, essa capa é linda, vou me preparar com uma caixa de lenço para a leitura. beijos

    Joyce
    http://www.livrosencantos.com

    21 de setembro de 2016 às 19:36 Responder
    • Gabriella Santos

      Oi Joyce!
      Prepara a caixinha de lenços e joga nessa leitura maravilhosa, você não vai se arrepender.

      Bjoss

      23 de setembro de 2016 às 12:31 Responder
  • Rosana Gutierrez

    Ola
    Já li Raze e Reap da Tillie Cole…
    Estou ansiosa para ler A thousand boy kisses. Sua resenha só me deixou mais curiosa. Todo mundo falando bem desse livro.
    Ouvi boatos que sairá no Brasil, será mesmo?
    Vou remanejar minha lista de leitura para ler esse o quanto antes.
    Bjs

    22 de setembro de 2016 às 04:06 Responder
    • Gabriella Santos

      Oi Rosana!
      Caramba, Raze e Reap são ótimos! Você viu que foi divulgada a capa do quarto livro dessa serie?
      Sim, vai ser lançado no Brasil mesmo, não lembro quem foi a editora que adquiriu os direitos de publicação, mas ser lançado sim! o/

      23 de setembro de 2016 às 12:29 Responder
  • Morgana Brunner

    Oiiii tudo bem?
    Que coisa mais linda essa resenha garota e que fotos lindas <3 fiquei apaixonada aqui e babando, eu com toda certeza quero ler, mas quando sair em português né. Meu inglês é péssimo.
    Beijinhos

    22 de setembro de 2016 às 12:21 Responder
    • Gabriella Santos

      Oii Morgana!
      As fotos foram cedidas pele Karolyne Oliveira do @chaticeliteraria. Ela tira fotos maravilhosas mesmo!
      Que bom que gostou da resenha <3

      23 de setembro de 2016 às 12:26 Responder
  • Bianca Santana

    Sempre ouço e leio maravilhas sobre esse livro. Quando vc falou que assim como a Colleen Hoover, a Tillie Cole escreve livros transformadores com personagens reais e incríveis, meu coração até deu uma acelerada e eu pensei: Ooookkkk, eu preciso conhecer essa mulher!
    Nunca li nada da Cole e preciso mudar isso urgentemente.
    Amei as fotos.
    Bjo
    http://www.viciadosemleitura.blog.br

    22 de setembro de 2016 às 14:43 Responder
    • Gabriella Santos

      A Colleen é diva demais, né? Mas a Tillie não fica para trás não viu. A mulher sabe como escrever livros que devastam a gente.
      A primeira serie que li dela, e que me fez virar fã foi Sweet Home. te aconselho a começar por esse. 🙂

      23 de setembro de 2016 às 12:24 Responder
  • David Andrade

    Oi Gabi!
    Gente que resenha. Ja quero até ler e nem sou muito fa desses romances assim.
    Achei a historia linda sob suas palavras. Lembro de ter visto alguma blogueira que acompanho falar da obra e achei fofinha, mas agora fiquei curioso.
    Tive essa sensação de vazio e perfeição quando terminei Six Of Crows ou então Mentirosos. E bom e ruim ao mesmo tempo sentir isso. So sofro.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    23 de setembro de 2016 às 02:55 Responder
    • Gabriella Santos

      Oi David!
      Cara, que bom que você curtiu!
      Poxa, tou doida pra ler Six of Crow.
      Leitores tem corações mais sensíveis, sempre achei isso. rsrs

      23 de setembro de 2016 às 12:16 Responder
  • Michele Lopez

    Olá,
    Infelizmente eu não entendo nada de inglês. Digo isso porque fiquei mega curiosa para adentrar nessa trama e saber se iria ficar tão marcada com a leitura como você ficou.
    A premissa é bem interessante e quero saber por que Rune e Poppy tiveram que se separar durante esses árduos 2 anos e o que aconteceu neles para mudar tanto a relação entre os personagens.

    https://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    23 de setembro de 2016 às 13:48 Responder
  • Greice Blogando Livros

    Que lindas as fotos e eu já vi falarem super bem deste livro porque algumas pessoas conseguem ler em inglês e eu ainda não. snifffff! mas eu espero que publiquem este livro por aqui né, assim posso ficar assim como você, porque amos livros que traduzam este sentimento.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    http://www.blogandolivros.com

    23 de setembro de 2016 às 17:18 Responder
  • Livros & Tal

    Oi Gabi…
    Menina não conhecia essa autora e eu simplesmente preciso desse livro.
    Sua resenha está incrível, parabéns…
    Livros assim podiam vir aqui para o Brasil né?

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    26 de setembro de 2016 às 22:00 Responder
  • Catharina M.

    Oie
    que capa mais amor, parece ser um livro muito legal, uma pena que não leio em inglês mas vou torcer pra vir para o brasil, acho que já li um livro da autora, não lembro, ótima dica

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    28 de setembro de 2016 às 14:21 Responder
  • Coleções Literárias

    Olá.
    Nunca tinha ouvido falar no livro antes, mas assim que vi a capa o livro me lembrou Colleen Hoover (diva) e ao ler sua resenha fiquei ainda mais animada quando você diz que a autora Cole escreve livros na mesma pegada que a Hoover, tenho certeza que vou curtir a escrita dela então… Espero que o livro seja lançado logo no Brasil.

    28 de setembro de 2016 às 14:50 Responder
  • Borrões Da Mary

    Oie
    Tudo bem?
    Então infelizmente eu ainda não leio em inglês é um saco os livros as vezes demoram para chegar aqui e eu fico tipo flutuando… Assim como você eu adoro a Colleen e não conheço a escrita da Tillie Cole mais se tu usou a Colleen como referência tenho certeza de que vou amar a historia parece ser bem bacana mesmo sem muitos detalhes eu fiquei curiosa adorei saber um pouco mais do seu ponto de vista.
    Bju
    Mary Reis

    28 de setembro de 2016 às 17:45 Responder
  • Deixe uma resposta