Siga nossas redes:

Resenha – Mister O

Publicado em 29 de novembro de 2017
- Editoras, Faro Editorial, Resenhas, Romance Erótico

LIVRO ESPECIALMENTE INDICADO PARA quem busca uma história divertida, sensual e com um toque de nerdice que deixa a narrativa ainda mais fofa. Ideal para ler quando o objetivo é embarcar numa história que prende, cativa e transporta o leitor para um mundo cheio de encontros quentes e românticos salpicados com referências a Harry Potter.

Vocês costumam assistir desenhos animados? Eu gostava bastante. Sem revelar minha idade, fato que não vem ao caso, confesso que adorava Caverna do Dragão, Ursinhos Carinhosos, O fantástico mundo de Bob e mais um zilhão de outros desenhos que fizeram sucesso nas décadas de 80 e 90. Daí agora, depois de barroca, me encontrei desejando assistir ao desenho do Mister Orgasmo, um herói queridinho das mulheres porque tem um super poder que causaria inveja a muitos marmanjões por aí: ele sabe o que é um bom orgasmo e faz de tudo para que as mulheres o consigam da melhor maneira possível.

Toda mulher é diferente e todo o caminho para o prazer envolve a sua própria jornada erótica, com muitas paradas fantásticas ao longo do caminho. Guardo na memória, estudo as dicas e sempre faço o trabalho de campo.

O criador deste personagem que pode se transformar na realização do desejo de diversas pessoas é Nick Hammer. Um cara bonitão e inteligente que já passou por uma fase ‘loser’ quando mais jovem, mas que após apresentar o Mister O aos espectadores, fez subir a audiência no horário noturno. Ele cresceu (principalmente em pontos estratégicos) e se tornou um ídolo entre rapazes que gostariam de aprender mais sobre os mistérios do corpo feminino e entre mulheres que estão cansadas de se decepcionarem com caras que não sabem exatamente o que fazer. E tudo parece ir muito bem para Nick, que colhe os benefícios de ser um cartunista bem sucedido.

Ele tem tudo: amigos fiéis, uma família que o ama, tudo aquilo que seu dinheiro consegue comprar e a possibilidade de ter sempre uma mulher na sua cama… Mas, infelizmente, ele não divide esse móvel com ninguém, porque a pessoa que ele quer, por quem vem se apaixonando e quem gostaria de ter ao alcance do próprio corpo é a única mulher que ele não pode ter. Ela é território proibido. Ela é Harper Holiday,  irmã de Spencer – melhor amigo de Nick – e protagonista de Big Rock, o primeiro livro desta série que já foi resenhado para o blog (a resenha você pode conferir aqui). Tanto ela quando Nick apareceram na obra anterior e foi a partir de uma cena hilária que rolou nesse livro que as coisas começaram a mudar entre eles.

Cabelo ruivo. Olhos azuis. Rosto de anjo sexy, corpo de princesa ninja guerreira e boca adepta da entrega simplesmente perfeita de sarcasmos. Eu jogaria sinônimos sujos, antônimos sujos… Qualquer coisa suja com ela.

Harper é uma mulher independente, divertida e aquele tipo de pessoa que é sempre capaz de tirar um coelho da cartola, literalmente falando. Ela é uma mágica com humor sarcástico, mas que não leva muito jeito para a paquera. Ela só se solta com Nick e adora perturbá-lo com insinuações irônicas e sensuais. A amizade entre eles vai se estreitando, e é justamente por conta dessa relação que eles concordam que Harper precisa de umas aulinhas de sedução, e ele pode ser o professor ideal para isso. Certo?

Totalmente errado, na verdade. Quando as lições começam a sair da teoria e passam a se aventurar no mundo da prática, o desejo toma conta e os sentimentos se misturam, se confundem. A gente consegue perceber que os dois têm muito em comum e a química que explode dali nos faz sentir o coração apertar e o fôlego sumir com uma frequência perturbadora. Neste livro Lauren Blakely nos mostra o casal mais perfeitamente improvável se aproximar e mostrar que o amor surge das pequenas coisas, disfarçadas de presentes ou gentileza. Um abraço apertado, um encontro para um café ou uma ida ao cinema, conversas animadas até altas horas ou o cuidado que se tem com o outro ao abrir a porta do carro ou comprar uma caixa de sabão em pó. Sem esquecer, claro, de semelhanças menos sutis, como o amor pelo Harry Potter e a certeza de qual casa em Hogwarts escolheria, por exemplo.

Essa mulher subverteu meu mundo. Antes eu só queria fazê-la decolar, proporcionar-lhe prazer, tirá-la do meu sistema. Agora desejo fazê-la sentir alegria em todos os sentidos. Eu, Nick Hammer, partidário declarado da monogamia em série e desbravador do orgasmo feminino, tornei-me um bobalhão apaixonado.

Acompanhamos uma história de amor que desabrocha e se transforma, ao mesmo tempo em que promove um desenvolvimento pessoal dos personagens e um fortalecimento da crença de que vale a pena entregar seu coração para a pessoa certa. Acreditamos, com o passar de páginas, que o impossível pode ser apenas uma palavra inofensiva quando nossa vontade é maior que tudo. Quando o amor está presente e quando nos permitimos acreditar somos merecedores se senti-lo e de vivê-lo. Por isso é incrivelmente pitoresco e romântico acompanhar essa história. E é por isso que recomendo Mister O para todos os (nerds) apaixonados ou para quem busca embarcar em uma leitura sem grandes dramas, mas com doses cavalares de sensualidade e diversão.

Neste livro, assim como no anterior, os personagens da próxima história já são apresentados, e a gente consegue ter um vislumbre do que podemos esperar da autora. Já com relação à edição, está naquele padrão de qualidade Faro que tanto gostamos: o cuidado fica nítido da diagramação bem feita à gramatura do papel. Uma história que é tão boa que combina perfeitamente com o trabalho gráfico realizado. Vale a pena a leitura.


Título: Mister O
Autora: Lauren Blakely
Lançamento: 2017
Editora: Faro Editorial
Páginas: 272
Sinopse: Nick Hammer tem a vida que todo cara sempre sonhou: dinheiro e mulheres lindas aos seus pés, que não esperam nada em troca além do melhor sexo de suas vidas. E tudo isso graças ao seu personagem, Mister Orgasmo, que saiu das páginas dos gibis para ganhar um programa na televisão. Agora Nick se tornou o mentor sexual de homens ao redor do mundo e o objeto de desejo de todas as mulheres. Para para Nick, e seu alter ego Mister O, a receita é simples: dar prazer, sempre!

Mas tudo isso pode estar em risco quando um pedido acontece. Harper, A irmã de seu melhor amigo, Spencer Holiday, também quer aprender as valiosas lições de Nick e Mister O. Harper é divertida, inteligente, linda e irresistivelmente sexy. E lutar contra o desejo de ter ela em sua cama será o pior pesadelo de Nick. Mister O vai conseguir “salvar” essa mocinha e ainda não ferrar a relação com o seu melhor amigo? Um romance divertido, leve, sexy e que vai arrancar suspiros dos leitores. Afinal, não dizem que o amor e a amizade andam lado a lado? Talvez eles até possam dormir na mesma cama.

 

Você também poderá gostar de

10 Comentários

  • Lili Aragão

    Oi Krisna, é difícil não olhar duas vezes pra essa capa e como uma apreciadora de desenhos até hoje haha, também fiquei curiosa sobre esse mister “O”kkkk. Ainda não iniciei a série mas os livros parecem seguir essa linha leve, sem grandes problemas pra serem resolvidos e super gostosas de ler. Eu amo histórias assim, me recarrega pra pegar outras leituras mais densas <3 Curti demais a resenha e espero ter a oportunidade de ler os livros dessa série futuramente 😉

    29 de novembro de 2017 às 15:12 Responder
    • Krisna

      Lili, o dois livros desta série são ótimos, vale super a pena. Meu preferido é Mister O porque eu ri tanto, suspirei tanto e curti tanto as referências que ele ganhou um cantinho especial no meu coração. Tô esperando o 3o, promete ser ainda melhor ❤ quando puder, dê uma chance ; )

      29 de novembro de 2017 às 18:28 Responder
  • Pamela Liu

    Olá.
    Ainda não li o primeiro livro, mas depois de ler a sua resenha já vou procurar por ele.
    Achei a premissa desse livro bem divertida! Também sou da época da Caverna do dragão, O fantástico mundo de Bob e etc. que saudades desse desenhos!
    Nick parece ser um cara muito divertido e achei bem legal ele ser criador de um quadrinho! Harper tem um emprego bem incomum e já dá para notar que ambos tem ótimas personalidades.
    Acho que vou gostar bastante desse romance. Pois parece que é aquele tipo de romance que vai crescendo aos poucos, com gestos pequenos, mas bem significativos!
    Já coloquei esse livro na minha lista de desejados.
    Bjs

    29 de novembro de 2017 às 17:12 Responder
  • Ludyanne Carvalho

    Que lindo, Krisna!
    Eu imaginava uma história totalmente diferente; fiquei surpresa em perceber que é uma história muito interessante.
    Mas ainda não li o primeiro da série.

    Gosto de histórias assim, quando o cara parece ser bem safado, mas na realidade nutre um grande amor, e é leal a este sentimento.

    Fiquei com vontade de conhecer está história.

    Ah, eu amava assistir desenhos. E ainda gosto bastante.

    Beijos

    29 de novembro de 2017 às 22:00 Responder
  • Marlene Conceição

    Oi Krisna.
    Eu também amo desenho, até hoje sou assim.
    Não me importo que falem sobre isso, que digam que não tenho mais idade, sinceramente, isso pouco me importa. Eu adorei a premissa desse livro, eu imaginava algo muito diferente, mas gostei de conhecer um pouco mais os personagens, a mocinha, confesso já me conquistou e já quero muito ter esse livro na minha estante.
    bjs.

    30 de novembro de 2017 às 14:42 Responder
  • Alison de Jesus

    Olá, pela resenha vejo que a leitura dessa obra é leve e descontraída, com personagens carismáticos e bem explorados. Não consigo ver alguma menção ao mundo bruxo nessa obra, mas isso me deixou ainda mais curioso para lê-la. Beijos.

    30 de novembro de 2017 às 15:32 Responder
  • Naiara Fidelis da Silva

    Confesso que não é um tipo de leitura que eu mais gosto, mas até que a premissa do livro é interessante rsrs.

    Gostei da parte que possui referencias de Harry Potter, mas só isso não faria com que eu lesse o livro. Para quem gosta do gênero, este livro parece ser uma pedida.

    30 de novembro de 2017 às 18:47 Responder
  • Isabela Carvalho

    Oi Krisna 😉
    Comprei e li o Big Rock na época que foi lançado, e confesso que não me surpreendi. Foi uma leitura divertida, mas dei apenas 3 estrelas. Apesar disso, estava bem animada para ler Mister O, pois gostei do casal desse livro no primeiro volume. Consegui comprar o livro na pré BF, e vou ler em breve!
    Acho que vou adorar esse casal em que o mocinho é um nerd que virou um galã, e a mocinha que é mágica. E tenho certeza de que se a narrativa da Lauren continuar divertida assim, quero ler tudo que ela escreve!
    Bjos

    30 de novembro de 2017 às 21:36 Responder
  • Carolina Venceslau

    Não sou muito fã de livros eróticos sempre acaba pulando muitas cenas e acabou ficando perdida na história então é realmente um gênero que eu sempre procuro evitar

    30 de novembro de 2017 às 21:54 Responder
  • Isabelle Ribeiro

    Kris, tava parada nas novidades da leitura… Mas depois dessa sua resenha maravilhosa, não pude me contar e fui correndo em busca dessa série, tenho certeza que esse casal vai fazer com que eu volte as minhas leituras!
    Nada como uma boa história e descobrir que vale a pena dá a chance a alguém que mereça!
    Viva ao amor!

    Beijo!

    7 de dezembro de 2017 às 00:36 Responder
  • Deixe uma resposta