Siga nossas redes:

Resenha – Quatro Vidas de um Chachorro

Publicado em 11 de janeiro de 2017
- Sem classificação
Livro: Quatro Vidas de um
Cachorro
Autor: W. Bruce
Cameron
Lançamento: 2016
Editora: Harper Collins
Páginas: 288
Classificação do
Skoob:
 4,7
Onde comprar: Amazon |
Submarino
*Livro do acervo
pessoal
Acho
super interessante quando uma história é narrada de maneira diferente. Ou,
quando seu narrador é um tipo peculiar. Foi justamente isso que chamou minha
atenção em 4 Vidas de Cachorro, o
fato da obra se mostrar sob a ótica de um cãozinho. Confesso que busquei o
livro somente após assistir ao trailer – e me emocionar com tanta fofura. O
livro de Cameron conta a história de um cachorro e suas 4 vidas, cada uma
acontecendo por um motivo, mas todas com algo em comum: um questionamento sobre
qual o propósito dessa existência. Qual o papel do cachorro, afinal?

A
princípio em forma de um vira latas, o cãozinho conhece os perigos de viver na
rua. Passa por maus bocados ao lado da mãe e dos irmãos, aprende coisas
importantes e cruciais para se manter vivo, estreita laços com outros cachorros
e com seres humanos. Mas será que a vida é somente isso? Aparentemente, não.
Retornando
depois na pele de um Golden Retriever, o cachorro descobre que seu novo nome é
Bailey e que agora sim, seu propósito de vida foi descoberto: amar e ser amado,
aprender sobre amizade, lealdade, companheirismo. Estar na vida do garoto que
tanto ama… Mas aí a morte acontece de novo, e o cachorro renasce na pele de
um Pastor Alemão. E por aí vai.

 “Como seria possível que me
coubesse uma missão mais importante do que amar o menino?”
Cada
vez que renasce sob uma nova forma e em um ambiente completamente diferente, o
cachorro relembra de fatos importantes de suas outras vidas, como se as
informações estivessem gravadas em sua alma, por algum motivo. Por conta disso busca sempre
entender qual o seu papel ali, naquela nova vida, e o que pode ser feito para
melhorar a vida de todos ao redor. Com muito afinco ele tenta, cada uma das
vezes, ser o melhor cão que alguém poderia ter.

  
Com
uma escrita muito simples e fluida, mas sem muitos diálogos, o autor mostra uma narrativa sensível,
divertida, bastante doce e muitas vezes ingênua. Discorre sobre a importância
do amor e da amizade, sobre a necessidade de reconhecer e lutar para cumprir
seu propósito seja ele qual for. Um livro que, independente de questões
religiosas, pode ser capaz de agradar não somente às pessoas apaixonadas por
animais, mas todos aqueles leitores que se permitem embarcar em uma jornada
cheia de aventuras e emoção.

“O olhar de um cachorro
ensinando que no fundo o melhor amigo do homem é a vida.”

Você também poderá gostar de

14 Comentários

  • Naime Martins

    Não conhecia esse livro.. que demais!! Adorei a forma que é narrada, deve ser realmente interessante ver a perspectiva de um cachorro, bem diferente. Deve ser um livro amorzinho, com certeza!
    Parabéns pela resenha!

    11 de janeiro de 2017 às 11:41 Responder
  • Lana Silva

    Nunca li nenhum livro que fosse narrado por um cachorro, mas essa deve ser uma experiência e tanto, principalmente porque sou apaixonada por animais, e inclusive tenho uma cachorrinha linda. Quero muito entender um pouco da história, e por isso já incluir o livro na minha lista de desejados, tenho certeza que essa será uma leitura divertida, e encantadora.

    12 de janeiro de 2017 às 10:30 Responder
  • Alison de Jesus

    Olá, a trama desse livro é muito original, o autor soube como colocar os sentimentos caninos que tanto queremos desvendar nas páginas tornando uma leitura obrigatória para amantes dos animais mais populares do mundo. Beijos.

    12 de janeiro de 2017 às 20:56 Responder
  • Thaynara ribeiro

    Nunca li nenhum livro sobre a relação entre animais e seus humanos rsrs Acho que vou chorar demais se ler, por isso evito. Gostei da resenha, mas não decidi se leria

    12 de janeiro de 2017 às 21:44 Responder
  • Adriana Holanda Tavares

    Olha desde pequena e adolescente que sou super chata com filmes e literatura com animais protagonistas, acho super forçoso e chato, esperei que crescendo eu me sentiria menos chata e poderia me aventurar nesse tipo de literatura, mas tentei um e o que descobri é que estou cada dia mais chata! Porém a coisa boa é que minha sobrinha adora e sempre leio pra ela

    14 de janeiro de 2017 às 22:55 Responder
  • Rossana Batista

    Ontem mesmo eu vi o trailer e fiquei apaixonada e com mais vontade ainda de ler o livro.
    Parece mesmo muito fofa a história desse cachorrinho e a jornada de vidas que ele passa, o seu aprendizado adquirido ao longo delas…
    Eu quero muito ler!

    15 de janeiro de 2017 às 15:24 Responder
  • Pamela Liu

    Oi Krisna.
    Eu vi o trailer na TV e fiquei com muita vontade de assistir o filme. Eu e meu noivo amamos animais e o filme parece ser muito fofo. Deu para perceber que o cachorrinho irá trazer muitas alegrias aos seus donos e que no final há uma lição a ser aprendida.
    Não sabia que a história havia sido adaptada de um livro rs

    16 de janeiro de 2017 às 04:30 Responder
  • Roberta Moraes

    Ah, eu sou apaixonada por animais, é claro que fiquei com vontade de ler.
    Histórias que passam com animais sempre me emocionam e poder ver a aventura desse cãozinho durante as vidas que ele tem vai ser muito lindo.
    Estou ansiosa para ler o quanto antes.

    17 de janeiro de 2017 às 02:52 Responder
  • Kris Soares

    Oi, apesar de achar muito Criativa a história , um cão e sua evolução ao longo de várias vidas(foi o que entendi), não sei se gosto muito da idéia de um cachorro como protagonista, na verdade nunca li nenhum livro assim, só sei que não me atrai.

    17 de janeiro de 2017 às 23:38 Responder
  • Gêmea Má

    Aaah, não acredito q vc deu quatro estrelas só!!

    Esse livro é um dos meus favoritos!! Se bem q como a doida dos bichos todos (TODOS) os que eu li que os tivessem como personagens eu gostei, então vai entender né? hahaha

    Eu até pensei em reler por causa do filme, mas fiquei furiosa com aquele pastor sendo empurrado na água. Qual a fucking dificuldade de usar um outro cachorro? Aposto que eles encontrariam algum q gostasse mais de água e estivesse mais disposto a nada. Fiquei p da vida!!!

    bjbj

    21 de janeiro de 2017 às 02:36 Responder
  • suzana cariri

    Oi!
    Ainda não conhecia esse livro, mas achei bem diferente a ideia do enrendo, ainda mais sendo narrado por um cachorro, parece ser uma livro lindo, emocionante e que aprendemos muito ao longo da historia, me deixando bem curiosa para poder ler !!

    27 de janeiro de 2017 às 15:23 Responder
  • Helen A.Z

    Diferente a história tratar das várias vidas do mesmo cachorrinho.Desconheço o trailer.
    Ah,que foto mais fofa,adorei o gatinho.

    29 de janeiro de 2017 às 19:12 Responder
  • Cristiane de Souza

    Oi Krisna…

    Não conhecia o livro… Mas parece ser realmente uma graça… Cheio de aventuras de um cãozinho com uma boa pitada de emoção… Com certeza quero ler…
    Beijinhos…

    30 de janeiro de 2017 às 03:46 Responder
  • Mayla Lima

    Quero muito ler este livro, quando descobri sua existência já quis ler por se tratar de animais e por ter um cão como narrador principal, nunca imaginei um livro assim e gostei da ideia. A primeira vida dele é bem sofrida né, mas a segundo é mais animadora. Fiquei bem curiosa. Adorei sua resenha e dica.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    30 de janeiro de 2017 às 17:30 Responder
  • Deixe uma resposta